quarta-feira, 22 de julho de 2009

Maldições


“Amou a maldição: que ela caia sobre ele! Recusou a benção: que ela o abandone! Seja coberto de maldição como de um manto: que ela penetre em suas entranhas como água e se infiltre em seus ossos como óleo.” Sl 108, 17s

Em uma área muito forte quero tocar agora, quero abordar a maldição em si ou nas pessoas com quem você pode está convivendo.
Quantas pessoas com quem vivemos nos dia-a-dia têm de tudo para ser feliz e vive em um mundo de amargura e desânimo, os seguidores do espiritismo dizem que você está pagando por algo que você fez na outra vida, pois foram pessoas más, mais não existe mesmo esta história de reencarnação, pois só vivemos uma vez, morremos uma vez e logo somos julgados, está tudo provado na Sagrada Escritura em Heb 9,27: “Como está determinado que os homens morram uma só vez, e logo em seguida vem o juízo”, por isso não se deixe enganar pelos espíritas Kardecistas.
Uma maldição pode surgir de uma simples palavra, que alguém tenha autoridade sobre outra. Se um pai lança uma palavra de maldição sobre seu filho mesmo ele não tendo consciência, ele esta autorizando a satanás de destruir toda a sua vida, pois nossas palavras têm um imenso poder.
“Morte e vida estão as mercê da língua” Prov 18,21ª.
Será que você sofre sobre um peso de uma maldição que alguém da sua família ou quaisquer pessoas lançou sobre você? Temos de ter cuidado com as pessoas que andamos, pois quantas delas falam mal de Deus, das pessoas, e não se valorizam essas pessoas já trazem sobre si maldições enormes, e só um simples fato de ouvir aquelas palavras você pode estar absorvendo alguma maldição. Deus quer que usemos nossos lábios para pronunciar benção e não para amaldiçoar ou difamar e menosprezar e murmurar, pois tudo isso dá liberdade para satanás de cumprir seus designo em nós.
Quantas vezes você já ouviu a palavra Desgraçado? Acredito que várias vezes, ao momento que pronunciamos está palavra dizemos que aquela pessoa está fora da graça de Deus, quantas vezes alguém já lhe chamou assim? Talvez não se lembre pois você era criança? Ou você já chamou com alguém? E seu filho quantas vezes você o chamou de: danado ou atentado? Não diga mais são palavras totalmente satânicas.
Quantas vezes quando você era criança lhe amaldiçoaram com estas palavras: praga, troço, peste, diabinho, safado, coisa, besta, não vale nada, vá para o inferno, não vale o que come..., e isto pode ser o motivo de muitas vezes dessa tristeza e coisas que nunca dão certo em sua vida, pois existem pessoas cobertas de maldições.
Mais podem renunciar a tudo isso, pois Tudo posso naquele que me fortalece, quem quer viver e vive em Cristo é nova Criatura, se você deseja segue a oração de quebra de maldições:

+ Senhor Jesus eu (seu nome completo), quero ser a partir de hoje uma nova criatura, quero hoje em teu nome e no poder do Teu sangue derramado na Cruz quebrar toda e quaisquer maldição que jogaram contra mim e toda a minha geração, em Teu nome quebro e desligo de minha vida, de meus filhos, parentes... toda e qualquer maldição, repreendo toda e qualquer palavra de maldição, que vá aos pés da Cruz toda maldição de magia negra, feitiço, vexame, sedução, azares, poderes psíquicos, fascínio, bruxaria que foram colocados sobre mim e toda a linha da minha família, maldições que foram colocadas por pessoas em fontes de ocultismo ou qualquer fonte psíquica, e ordeno que todo espírito imundo que me perseguia me deixem agora em nome de Jesus, vem o Virgem Maria e destrua a todo cativeiro de satanás, que as obras de satanás que me corrompiam sejam amaradas aos pés da cruz pois só de lá vêm todo remédio, e declaro hoje o Senhorio de Jesus da minha vida e minha família, pois fui comprado(a) pelo seu Sangue, Declaro e proclamo Jesus é o Senhor!Amém. Creio, Ave-Maria, Pai nosso.

Diego Tales
Com Deus Até o Fim Mesmo Sem Entender
Postar um comentário