segunda-feira, 31 de agosto de 2009

JUNÍPERO: O CHAMADO DA SOMBRA

O chamado da sombra
Ah! se eu tivesse uma plantação de juníperos… talvez, sentir-me-ia bem mais seguro. Ou, ao menos, aliviado. Nunca o tempo presente foi tão necessário para colóquios com Deus, para oração pessoal.
Quando é que, em minha vida, eu pude imaginar que precisaria de uma arvorezinha para chorar e de uma sombra onde eu pudesse falar de mim? O Senhor está levando seus filhos para a sombra de Seu amor. Único lugar onde eu posso falar, chorar, reclamar… e também consolar minha alma, tranqüilizar meu coração, domar a minha mente…
O ser humano estacionou em si mesmo e abismou a própria vida nos sonhos e projetos pessoais - que não ouvem o convite da sombra do junípero. Aliás, alguns de nós nem sabe o que é um junípero, quanto mais se ele faz ou não sombra.
Os juníperos mudam, mas a sombra sempre será a mesma. A mesma Sombra que abraçou Maria e que encobriu a terra no momento da morte de Jesus.
Há muito tempo, um “amigo” chamado Elias* encontrou o seu junípero para encontrar a sombra do Altíssimo. Ele se sentou à sombra da arvorezinha. Ali ele chorou, lamentou-se, mostrou suas dores, sua falta de sorriso, sua tristeza mais profunda. E ali pediu para morrer. E pedir para morrer, é chegar ao limite de tudo. Limite das frustrações, das perdas. É chegar ao máximo, é constatar que está pesado demais.
A coragem de Elias, muitas vezes não é a minha coragem. Sou um bom católico, um excelente cristão mas sou medroso para a fraqueza. A minha coragem não admite mostrar minhas falhas, minhas misérias, minha pequenez, minha insatisfação. Eu sei muito bem reclamar do meu casamento para a amiga do escritório. Sei falar mal das pessoas para meu padre. Sei acusar meus filhos e meus pais. Mas não sei me enfraquecer diante de Deus.
Se alguém perguntasse o porquê destes tempos serem tão sofridos para os cristãos, acho que Deus responderia: “É porque estou chamando meus filhos para Minha Sombra. Às vezes, o limite é o único caminho para meus filhos chegarem até Mim”.
É perturbador saber que é na “Sombra do Senhor” que eu me revelo totalmente. Se Elias vivesse em nosso tempo, certamente estaria em um junípero chamado confessionário.
Passamos a vida por vários juníperos: o da dor da morte de alguém, o da solidão, o da tristeza e da depressão, da derrota, o da mágoa com meu pai e minha mãe, o do fracasso na faculdade, do adultério. Mas em todos eles O Senhor nos convida para falar, para partilhar com Ele nossas dores. Mesmo que seja uma vontade de desistir de tudo e de morrer. Deus quer escutar meus lamentos.
Ah! se a internet nos servisse neste momento como um altar do Santíssimo Sacramento. Sem medo de errar, esta seria nossa sombra mais segura.
Será que após este texto eu ainda não tive a curiosidade de descobrir o que é um junípero?
* I Reis 19, 4-8
Comunidade Beatitudes do Coração de Jesus.
Read More

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

20 anos da Comunidade Doce Mãe de Deus e Congresso regional das novas comunidades.

Paz e Bem!As Novas Comunidades são um sopro do Espírito para a Igreja nos tempos de hoje! Seu estilo de vida reúne famílias, sacerdotes, celibatários, em diferentes idades, jovens, adultos, idosos que, tendo experimentado a alegria de ser de Deus, consagram a Ele suas vidas a serviço da Igreja e do mundo. Esta forma de viver o Evangelho e a “Nova Evangelização” nas Comunidades tem atraído muitos a viverem essa mesma graça. De modo especial sentimos esse florescimento no Brasil. Podemos dizer que ele é um grande celeiro de Novas Comunidades! Sentido a necessidade de aprofundamos os laços, a unidade e a partilha entre todas essas Comunidades, todos os anos são promovidos encontros por região e a cada dois anos um Encontro Nacional. Neste ano, a Comunidade Doce Mãe de Deus sediará o Encontro Regional N2. Teremos palestras gerais com alguns bispos que estarão conosco e oficinas que trabalharão temas fundamentais para nosso crescimento e evangelização. Todos poderão participar! Membros de Comunidades e participantes de movimentos da Igreja.Este encontro marcará, também, a celebração dos 20 anos de nossa Vocação - A Comunidade Doce Mãe de Deus. Estaremos juntos para celebrar o Dom de Deus derramado sobre nós e para aprender Dele e de seus pastores como permanecer fiel a este Dom!
Presenças: Dom Bernardino (Dino), Dom Aldo Pagotto, Dom Lucena, Dom Philip Dickmans, Dom Alberto Taveira, Inaldo Alexandre da Silva(Fundador).
Eu vou e você? Te espero lá.
Read More

sábado, 22 de agosto de 2009

Não te envolva com as forças ocultas

Não devemos de nenhuma forma, nos entregar as forças ocultas por simples práticas, é que, simples práticas somos pressionadas a ser escravos do encardido.
Quando chegam as dificuldades em nossa casa, de finanças e doenças, muitos buscam os centros espíritas, cartomantes, realizam benzimentos, usam amuletos, bebem e comem alimentos consagrados, procuram videntes, tarô, tomam banhos de descarrego, participam de festas espíritas de Cosme e Damião, iemanjá, queima de pólvora, toma passes, em busca de respostas para tais sofrimentos no ocultismo, em raros casos sem saber sobre os preceitos de Deus que proíbe as práticas (Cf. Dt 18,9ss), quando entramos em contato com as forças ocultas nos impregnamos das forças das trevas.
Tais práticas de envolvimento com as forças ocultas, fazem com que uma contaminação se torne uma obsessão.
Existem quatro situações em que o inimigo se manifestas nas pessoas:
1º) Obsessão: Sempre acontece quando a pessoa se envolve com as forças ocultas, e começa a ser perseguida e atormentada. Acreditando nas orientações recebidas, pois não vê outra saída para seus problemas. Existem pessoas que ouvem vozes, vêem vultos, escutam barulhos, se sentindo em um beco sem saída.
2º) Opressão: È quando a pessoa permite ser doutrinada, possibilitando manifestações das forças ocultas em sua vida. Isso sempre acorre com os que se envolvem com mediunidade, e sãos os envolvimentos com espiritismo, umbanda, satanismo e candomblé. Se uma pessoa que sofre opressões e não regem, acaba deixando o seu corpo vulnerável a pequenas possessões, mesmo se sentido perseguida, apresenta lucidez e controle emocional, com algumas restrições.
3º) Possessão: Acontece quando a pessoa se deixa dominar pelo ente, ou seja, um espírito maligno, que costuma se manifestar de forma continuamente. Pessoas que se expõem a mediunidade existem tendências a possessões. Quando existe uma possessão a pessoa perde todo o seu controle corporal e mental, não tendo mais domínio sobre ela. Por contatos com o satanismo, possa também, existir possessão.
4º) Contaminações: Lugares que citei na parte superior da formação, são os lugares onde, muitos se contaminam, buscando as forças ocultas, muitas vezes sem saber, mais se você já visitou algum desses lugares, é bom fazer a oração de renúncia de todo mal, pois, Deus condena tais praticas. “Se alguém se dirigir aos espíritas ou aos adivinhos para fornicar com eles, voltarei o meu rosto contra esse homem e o cortarei do meio do seu povo”(Lev 20,6). Deus mais uma vez nos exorta: “ Quem consultar os mortos em favor dos[...] não haverá aurora para eles. Andarão errantes pela terra, fatigados e esfomeados; atormentados[...] e só verão miséria, escuridão e trevas angustiantes” (Is 8,20-22).
Diego Tales.
Read More

quinta-feira, 20 de agosto de 2009

Agosto mês vocacional

É preciso fazer a vontade de Deus
nosso coração deve vir constantemente um questionamento sobre o que é vontade de Deus na minha vida, será que essa vontade Dele acontece na comunidade que faço parte? Naquele grupo?Ou naquela pastoral. Em Fevereiro deste ano, estive pregando no retiro de Carnaval da Comunidade Magnificat, e começando a estudar e rezar com a palavra eu vi o quanto é difícil fazer e viver essa Vontade Dele para cada um de nós, porque parece que nosso coração bate mais humanamente do que Divinamente.
Vocação! Qual é a minha? Seguir o desejo do Coração Dele é fazer sua vontade, e por isso, a baixo se encontra passos que lhe ajudarão neste discernimento:
Passos para compreender a vontade de Deus:
1º passo: Para entender qual é a vontade de Deus para a sua vida e escutar, e prestar atenção aos sinais dele para com você.
2º Passo: Todas as graças passam pelas mãos da virgem Maria, por isso, saber qual é a vontade de Deus para você é uma graça, por isso peça a intercessão dela para que ela te ajude neste discernimento vocacional.
3º Passo: Rezar, jejuar em favor desta causa, pois não se brinca com o chamado de Deus para cada um de nós, já dizia uma santa da igreja: “vontade de Deus és meu paraíso”, imagine o que acontece no momento que eu não faço a vontade de Deus, não vai ser meu paraíso, mais esse paraíso não e facilidade e tranqüilidade, é preciso viver um bom discernimento para saber para qual local fui escolhido.
4º Passo: Participar de encontros vocacionais do qual você sente chamado.
5º Passo: Estudar e rezar com a palavra, ou seja, fazer diariamente oração pessoal, pois é onde Ele mais se manifesta e fala ao nosso coração.
6º Passo: Este é o mais importante, ser DERMINADO.

Acredito que são pontos importantes que lhe ajudará muito a descobrir qual é a Vontade de Deus, e não a nossa, busquemos nos assemelhar-nos á Jesus,que renegou a sua vontade para que a Vontade de seu Pai se cumprisse: “Contudo, não se faça o que eu quero se não o que Tu queres” (Marcos 14,36). Seguem abaixo alguns versículos retirados da Bíblia, para lhe ajudarem:

Versículos para ajudar neste discernimento:

-“Ele nos manifestou o misterioso designo de sua vontade, que em sua benevolência formara desde sempre” (Ef 1,9).

-“Não sejam imprudentes, ao contrário procurem fazer a vontade de Deus” (Ef 5,8).

-“Foi em virtude desta vontade de Deus que temos sido santificados uma vez para sempre” (Heb 10,10ª).

-“Quando vos dirijo a palavra não existe um “sim” e depois um “não” (IICOR 1,18)”.

-“Pois é necessária a perseverança para fazerdes à vontade de Deus e alcançardes os bens prometidos” (Hb 10,36).
Um forte abraço.
“Deus nunca tarda e nunca falha ele age e faz a sua vontade em seu devido tempo, espera Nele.”
Diego tales.
Read More

terça-feira, 11 de agosto de 2009

sábado, 8 de agosto de 2009

Te amo Pai

Não poderia deixar passar este dia em branco, aprendi e tenho de aprender muito com o senhor, que a distancia que temos não é capaz de fazer-me esquecer o teu amor por mim e o meu por você.
Parabéns por esse dia.
Deus te abençoe aí em Pau dos ferros.
Diego Tales.
Read More

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

terça-feira, 4 de agosto de 2009