sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Igreja do Rio lança logomarca oficial da Jornada Mundial da Juventude 2013

Uma explosão de alegria vem contagiando os jovens brasileiros desde o dia 21 de agosto de 2011, quando o Papa Bento XVI anunciou que a próxima sede da Jornada Mundial da Juventude seria o Rio de Janeiro.
Na noite desta terça-feira, 7 de fevereiro, o Presidente do Instituto JMJ RIO2013 e Arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, anunciou o vencedor do concurso da logomarca que será a identidade visual de toda a JMJ RIO2013.
O lançamento da logomarca, que traz o Cristo Redentor envolto por um coração nas cores do Brasil, foi realizado no auditório do Edifício João Paulo II, na Glória, e contou com a presença do Governador do Rio de Janeiro, Sergio Cabral, do Prefeito da Cidade, Eduardo Paes, do Presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), Cardeal Dom Raymundo Damasceno, do Secretário da Congregação para os Bispos no Vaticano, Dom Lorenzo Baldisseri, e de cerca de 100 bispos do Brasil e exterior, além de diversas autoridades e representantes da sociedade.
O designer gráfico Gustavo Huguenin – autor da logomarca escolhida pelo Pontifício Conselho para os Leigos (PCL) de Roma em comum acordo com os representantes do Comitê Organizador Local – é do município de Cantagalo, pertencente à Diocese de Nova Friburgo. O jovem afirmou ser difícil idealizar um símbolo para a Jornada Mundial da Juventude e que sua inspiração foi o Espírito Santo de Deus.
— É difícil você parar pra fazer o símbolo da Jornada Mundial, você tem que ter realmente uma idéia bacana. E dentro desse período, até os últimos dias das inscrições eu ainda estava terminando o desenho para poder enviar. (...) Resolvi participar do concurso porque entendendo realmente o que significa e o que é a Jornada Mundial da Juventude. Acredito que o jovem que realmente ama a Igreja e entende o que é a Jornada tem vontade de fazer parte, de doar alguma coisa, então é um sonho, não somente como profissional, mas também nesse sentido de Igreja, da Igreja valorizar o trabalho do jovem, afirmou Gustavo.
Para chegar à logomarca oficial, foi percorrido um longo caminho, iniciado no dia 27 de setembro de 2011 com o lançamento do edital do concurso para escolher o símbolo da JMJ. Mais de 200 trabalhos foram enviados de todas as partes do mundo ao Comitê Organizador Local (COL) e demonstraram, além de criatividade e técnica, a força da fé e da alegria da juventude católica.
Durante a cerimônia de lançamento da logomarca, o jovem Gustavo Ribeiro, que participou da JMJ em Madri no ano de 2011, testemunhou como foi participar desse evento e destacou a expectativa que todo o mundo está depositando sobre a JMJ RIO2013. A jovem Alessandra Sala, também apresentou suas esperanças para a realização da próxima JMJ RIO2013. Um vídeos sobre o Rio de Janeiro e sobre a JMJ também foram apresentados no evento, que foi transmitida ao vivo pela WebTV Redentor, e contou ainda com a participação das cantoras Olívia Ferreira e Eliana Ribeiro.
O Cristo Redentor, embaixador da JMJ RIO 2013, ficará iluminado com as cores verde e amarelo, em referência ao país sede da próxima JMJ.

Entrevista com o autor da logomarca escolhida
"Foi surpreendente" 
Uma boa logomarca é capaz de criar vínculos e conquistar o público que a observa. Através da logo da Jornada Mundial da Juventude, jovens do mundo inteiro poderão sentir o acolhimento do Rio de Janeiro e se lembrarão para a posteridade desse momento de fé e oração junto ao Papa Bento XVI na Cidade Maravilhosa. Na noite dessa terça-feira, 7 de fevereiro, o mistério se desfez e a imagem que será a identidade visual da JMJ RIO2013 foi divulgada.
O autor da imagem que convocará os jovens a participarem da Jornada é do Rio de Janeiro, mais precisamente do município de Cantagalo, pertencente à Diocese de Nova Friburgo. Formado em design gráfico, o ganhador tem 25 anos e confessa que buscou no Espírito Santo o discernimento para produzir uma logo que representasse o verdadeiro significado da Jornada no Rio de Janeiro. O resultado foi o Cristo Redentor envolto por um coração nas cores do Brasil. O sentido da imagem, as inspirações e outros detalhes foram revelados pelo vencedor do concurso da JMJ RIO2013, Gustavo Huguenin em uma entrevista exclusiva ao Portal da Arquidiocese.
- Como ficou sabendo do Concurso da Jornada Mundial da Juventude?
Gustavo: Tudo começou quando eu entrei no site da Jornada e descobri que as inscrições estavam abertas. Foi aí que decidi me inscrever.
- Como foi o processo de criação da logomarca?
Gustavo: É difícil você parar para fazer o símbolo da Jornada Mundial, você tem que ter realmente uma idéia bacana. E dentro desse período, até os últimos dias das inscrições eu ainda estava terminando o desenho para poder enviar.
- E quais foram as suas inspirações?
Gustavo: No Espírito Santo (risos). De inicio sim. Quis propor uma reflexão foi sobre o lema, o trecho todo da Palavra que diz “Ide e fazei discípulos entre todas as nações” (Mt 28, 19)

- Qual o significado da logo? Quem olha para ela percebe de inicio o Cristo Redentor...
Gustavo: Bom, o azul, na verdade, é o que fecha a imagem do coração. Dentro do desenho, com o simbolismo do Pão de Açúcar, representado na parte de cima, sendo como a terra, temos o azul que é o oceano, tudo nas cores do Brasil. Além disso, temos a imagem da cruz, em referencia à cruz peregrina que foi um dos pré requisitos para o concurso.
- Porque você decidiu participar do concurso?
Gustavo: Porque entendendo realmente o que significa, o que é a Jornada Mundial eu acredito que o jovem que realmente ama a Igreja e entende o que é a Jornada, ele tem vontade de fazer parte, de doar alguma coisa, então é um sonho, não somente como profissional, você ter o seu trabalho reconhecido e usado no mundo todo, mas também nesse sentido de Igreja, da Igreja valorizar o trabalho do jovem.
- Como você recebeu a noticia de que você ganhou?
Gustavo: O Comitê Organizador que me deu a noticia e para mim foi surpreendente. Eu falava para os meus amigos que se eu ficasse entre os finalistas e soubesse que o meu trabalho foi para o Vaticano, pra mim já seria uma alegria muito grande. Mas daí, ser anunciado como o ganhador, é sem descrição.
- A quem você dedica o seu trabalho?
Gustavo: Primeiramente a Deus, foi um trabalho feito por amor a Deus, né? A minha maior motivação é a minha experiência com Deus e também à juventude, por, de certa forma, eu saber que estou colaborando com a Jornada.
- E como é a sua participação na Igreja?
Gustavo: Eu faço parte da Comunidade Santíssimo Sacramento e desde que eu fiz um retiro para Jovens eu comecei a me enturmar e entrei para um grupo de oração. É um grupo formado basicamente por jovens e até hoje me envolvo bastante com a Renovação Carismática Católica.
- Já se deu conta do que representa ser o autor da logomarca da JMJ RIO2013?
Gustavo: Não, só vou acreditar quando eu vir o Papa aqui no Rio. Até porque não tem como acompanhar ou ter idéia da aplicação da logo por ser um evento internacional, então, sem palavras.
- Queria que você deixasse uma mensagem de motivação aos jovens que vão vir para o Rio no ano que vem.
Gustavo: O que veio no meu coração, lembrando o que o Papa Bento XVI falou em Madrid é que o jovem pode ser sustento na fé para outro jovem. A amizade em Deus pode ser um sustento na fé e realmente é isso que acontece. Então é isso que eu posso falar para os jovens que assim como eu buscam essas grandes amizades que vão fortalecendo e edificando a nossa fé e também em preparação para a Jornada Mundial. Para que a gente vá inserindo cada vez mais jovens na Igreja e possamos, em 2013 mostrar a verdadeira força da nossa fé.

Conheça o conceito da Logomarca da JMJ RIO2013 
Com base no trecho da Palavra do Evangelho de São Mateus, percebe-se a necessidade de expressar uma referência direta à imagem de Jesus e ao sentido do discípulo. Neste episódio, Jesus se encontrou com seus discípulos em uma montanha, após sua ressurreição. Como símbolo da cidade do Rio de Janeiro, o Cristo Redentor também se encontra em uma montanha e é um monumento reconhecido no mundo inteiro. O tema é uma palavra de ordem proclamada pelo próprio Senhor Jesus, e assim a Sua imagem possui destaque no centro do símbolo.
Os elementos do símbolo formam a imagem de um coração. Na fé dos povos o coração assumiu papel central, assim como o Brasil será o centro da juventude na Jornada Mundial. Também designa o homem interno por inteiro, se tornando nesta composição a referência aos discípulos que possuem Jesus em seus corações.
Os braços do Cristo Redentor ultrapassam a figura do coração, como o abraço acolhedor de Deus aos povos e jovens que estarão no Brasil. Representa nossa acolhida, como povo de coração generoso e hospitaleiro.
A parte superior (em verde) foi inspirada nos traços do Pão de Açúcar, símbolo universal da cidade do Rio de Janeiro, e a cruz contida nela reforça o sentido do território brasileiro conhecido por Terra de Santa Cruz. As formas que finalizam a imagem do coração possuem a cor azul, representando o litoral, somada ao verde e amarelo que transmitem a brasilidade das cores da bandeira nacional.
Postar um comentário