quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

A disciplina

Quando éramos crianças e estávamos em período escolar ouvíamos muito a palavra disciplina. Depois, com o passar dos anos, paramos de ouvir, de falar e até mesmo de praticar algo tão importante quanto ela. Disciplina significa o conjunto de regulamentos destinados a manter a boa ordem em qualquer organização. Submissão ou respeito a um regulamento.
Para que possamos evoluir em qualquer área, seja nos estudos, seja na carreira, no trabalho ou até mesmo como pessoas, é preciso que nos auto disciplinemos. Criar e obedecer a regras que nos farão ser mais produtivos, mais organizados, mais assertivos em nossas decisões, mais compenetrados, mais pontuais e mais respeitosos com as pessoas que nos cercam.
Somente através da disciplina podemos nos impor metas e traçar objetivos concretos para o alcance destas metas. Não é nada fácil seguir certas regras, mas quanto mais difícil, maior a recompensa que nos espera.

Não pense que você está sendo “careta” por chegar na hora, não pense que você está sendo “otário” por levantar cedo e ir trabalhar... Coisas assim que acabam por algumas vezes entrar em nossas mentes, seja pelos exemplos que vemos na televisão, nos filmes, seja pelo exemplo que acaba vindo dos nossos políticos. Existem muitas outras histórias de sucesso e trabalho que são fruto de pessoas dedicadas e disciplinadas.

Veja alguns atos disciplinados que podem estar faltando em sua vida:

- Determine-se em uma vida de intimidade com Deus diária.
- Faça um roteiro de suas atividades e como pretende cumpri-las.
- Estabeleça horários para começar e terminar tarefas ao longo do dia.
- Coma refeições mais saudáveis e leves no dia-a-dia.
- Respeite horários e compromissos.
- Durma as horas de sono necessárias para seu bem estar.
- Defina suas metas para aquele dia ou semana e foque-se em atingi-las.
- Evite distrações com a internet e telefones.
- Seja educado com todas as pessoas.
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -
Vanilton Lima
Comunidade Shalom
Fonte: Portal Shalom
Postar um comentário