terça-feira, 7 de dezembro de 2010

DEUS SE REVELA CHEIO DE MISERICÓRDIA

“Deus se manifesta de diversas formas também na vida de cada um de nós. Mas, para poder reconhecer sua presença, é necessário que nos aproximemos a Ele conscientes de nossa miséria e com profundo respeito. Em caso contrário nos voltamos incapazes de encontrá-lo e de entrar em comunhão com Ele.

Deus se revela não aos que estão cheios de suficiência e superficialidade, mas a quem é pobre e humilde perante a Ele.

Frente ao pecado, Deus se revela cheio de misericórdia e não deixa de chamar aos pecadores a evitar o mal, a crescer no seu amor e a ajudar concretamente ao próximo em necessidade, para viver a alegria da graça e não ir ao encontro da morte eterna.

Mas a possibilidade de conversão exige que aprendamos a ler os feitos da vida na perspectiva da fé, isto é, animados pelo santo temor de Deus.

Queridos amigos, oremos a Maria Santíssima, para que ajude a cada cristão a voltar ao Senhor com todo o coração” (Bento XVI, 7 de março de 2010).

Aos pés do sacrário, é onde temos que resolver nossa vida, nossas dúvidas, tomar as decisões, reforçar as convicções, aumentar o amor, o zelo apostólico e fortalecer-nos nos momentos de dificuldade.

Vivamos com profundidade o encontro com Cristo nos sacramentos da Penitência e da Eucaristia.

Buscar ocasiões para ajudar hoje concretamente a meu próximo.

Diálogo com Cristo

Senhor Jesus, o exemplo de Zaqueu me faz ver que quem te deixa entrar na sua vida não perde nada do que faz a vida bela e grande. Me ensina que com tua amizade se abrem as portas da vida.

Ajuda-me a fazer a mesma experiência e não ter medo de abrir-te de par em par as portas do meu coração.

“Que fácil é ser santo! Basta abrir a porta do coração e deixar a Cristo entrar nele.”

Fonte: Comunidade Alpha e Ômega
Postar um comentário